Finalistas do Prémio "Melhor Tese de Doutoramento em STI - 2019"

O Prémio “Melhor Tese de Doutoramento Ibérico em Sistemas e Tecnologias de Informação” é atribuído anualmente pela AISTI ao melhor trabalho de Tese de Doutoramento, elaborado no âmbito das áreas científicas dos Sistemas e Tecnologias de Informação, com vista a estimular a inovação científica e o rigor do trabalho de investigação, bem como proceder à divulgação de trabalhos científicos de elevada qualidade. Na edição de 2019 foram recebidas 14 candidaturas, 6 de Portugal e 8 de Espanha, tendo sido selecionadas as seguintes 3 para a fase final:

- Borga Bordel (2018), "Contribution to heterogeneous service provision and flexible process execution in humanized Cyber-Physical Systems". Orientadores: Tomás Robles Valladares e Ramón Alcarria Garrido. Universidade Politécnica de Madrid, Espanha;

- Mário Antunes (2018), "Knowledge extraction from semi-structured sources". Orientadores: Diogo Nuno Pereira Gomes e Rui Luís Andrande Aguiar. Universidade de Aveiro, Portugal;

- Javier Gomez-Pilar (2018), "Characterization of Neural Activity using Complex Network Theory: Application to the Identification of the Altered Neural Substrates in Schizophrenia". Orientadores: Roberto Hornero Sánchez e Jesús Poza Crespo. Universidade de Valladolid, Espanha.

A avaliação para determinar o vencedor ocorrerá até fevereiro e a cerimónia de entrega do prémio ocorrerá em sessão solene da CISTI'2020 - 15ª Conferência Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação (http://www.cisti.eu/), a ser realizada em Sevilha, Espanha, entre 24 e 27 de junho de 2020.

A CISTI é uma conferência cujos artigos são publicados na Biblioteca Digital IEEE Xplore, sendo indexados nas bases de dados ISI, Scopus, EI-Compendex, Google Scholar, etc. E a CISTI é uma conferência com H5-Index = 16 (Ranking do Google Scholar)