Vencedor do Prémio "Melhor Tese de Doutoramento em STI - 2020"

O Prémio “Melhor Tese de Doutoramento Ibérico em Sistemas e Tecnologias de Informação” é atribuído anualmente pela AISTI ao melhor trabalho de Tese de Doutoramento, elaborado no âmbito das áreas científicas dos Sistemas e Tecnologias de Informação, com vista a estimular a inovação científica e o rigor do trabalho de investigação, bem como proceder à divulgação de trabalhos científicos de elevada qualidade.

Na edição de 2020 foram recebidas 37 candidaturas, sendo 11 de Portugal e 26 de Espanha, tendo sido selecionadas 5 para a fase final, das quais foi selecionada a tese vencedora.

Saiu vencedor Roberto Magueta, com a Tese “Hybrid precoding and equalizer techniques for mmWave and massive MIMO based wireless systems”, atualmente investigador do Instituto de Telecomunicações.

A tese foi defendida em Abril de 2020 na Universidade de Aveiro, tendo sido realizada sob orientação científica: do Doutor Adão Paulo Soares da Silva, Professor Auxiliar do Departamento de Eletrónica, Telecomunicações e Informática da Universidade de Aveiro; do Doutor Rui Miguel Henriques Dias Morgado Dinis, Professor Associado com Agregação na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa; e do Doutor Daniel Filipe Marques Castanheira, Investigador do Instituto de Telecomunicações da Universidade de Aveiro.

Do trabalho de doutoramento de Roberto Magueta resultaram também várias outras publicações científicas, tanto em importantes conferências internacionais como em revistas de elevado fator de impacto.

A cerimónia de entrega do prémio ocorrerá em sessão solene da CISTI'2021 - 16ª Conferência Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação (http://www.cisti.eu/), a ser realizada em Chaves, Portugal, entre 23 e 26 de junho de 2021.

A CISTI é uma conferência cujos artigos são publicados na Biblioteca Digital IEEE Xplore, sendo indexados nas bases de dados WoS, Scopus, EI-Compendex, Google Scholar, etc. E a CISTI é uma conferência com H5-Index = 17 (Ranking do Google Scholar).